Indicadores culturais: comparação entre 12 metrópoles mundiais

Está disponível o relatório World Cities Culture Report, que permite comparar diversos indicadores culturais de 12 metrópoles mundiais – entre elas, São Paulo.


Apesar de estar em inglês, o site apresenta os dados de forma clara e acessível, permitindo comparações entre as cidades, por intermédio de mais de 70 indicadores. Os indicadores abrangem diversos aspectos da vida artística e da economia criativa, desde a quantidade de bibliotecas públicas ao volume de vendas de livros; do número de ingressos de cinema vendidos ao número de restaurantes; da quantidade de salas de concerto ao total de apresentações teatrais por ano.

Em matéria de cultura, não surpreende que Paris se destaque. Por exemplo, no quesito “bibliotecas públicas”, são 7 a cada 100 mil habitantes, contra 3 em Toquio e apenas 1 em São Paulo. A “Cidade-Luz” também se destaca pelo número de salas de cinema: 302, mais que o triplo das existentes em Berlim.

Já a capital japonesa destaca-se pela concentração de restaurantes, com 1,14 para cada 100 habitantes, mais do que o dobro da segunda colocada (Londres) e 10 vezes mais do que São Paulo.

Em relação à chamada Economia Criativa, é notável a disparidade dos números, a indicar possível falta de uniformidade nas definições e metodologias de pesquisa adotadas por distintos países e instituições, o que prejudica eventuais comparações. É difícil crer, por exemplo, que as indústrias criativas empreguem 16% da mão de obra em Mumbai, e apenas a metade disso em New York, ou a vigésima parte (0,82%), em Singapura.

O site permite baixar o relatório completo (em pdf), ou tabelas com dados selecionados.

O relatório é uma iniciativa da BOP Consulting, com o patrocínio da Prefeitura de Londres.


Fonte: Blog Observatório da Cultura

Publicado por Ana Paula Sena de Almeida

Eu tenho insights! ;-) www.apsaprojetos.com

%d blogueiros gostam disto: