Seguimento às ações da Rio+20

Em reunião ministra fala sobre a relação entre Cultura e Sustentabilidade
A ministra Marta Suplicy esteve, nesta terça-feira (18), na Reunião de Seguimento à Comissão Nacional para a Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável. O objetivo do encontro é apresentar um balanço geral dos resultados da Conferência Rio+20 e informar aos membros da comissão sobre o processo de seguimento dos acordos alcançados durante a Conferência. Participaram ministros, secretários representando ministérios e entidades da sociedade civil.
O ministro das Relações Exteriores, Antônio Patriota, e a ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, foram os anfitriões do encontro e deram início à apresentação dos resultados obtidos até o momento e das tarefas de seguimento. Em seguida, a palavra foi passada aos ministros Gilberto Carvalho, da Secretaria-Geral da Presidência da República, Eleonora Menicucci, da Secretaria de Políticas para Mulheres, e Marta Suplicy.
Cultura e Sustentabilidade
Em sua fala, Marta ressaltou o papel estratégico da Cultura na construção de uma resposta aos desafios da sustentabilidade e ofereceu, ao ministério do Meio Ambiente, os CEUs das Artes e dos Esportes, como instrumentos para levar o tema sustentabilidade ao conhecimento dos usuários dos centros. A ministra citou também a Economia Criativa como um forte elemento na construção de iniciativas sustentáveis para o país.

Ministra Marta Suplicy ao lado do ministro Antônio Patriota
CEU das Artes
O tema CEU das Artes também foi destacado durante a fala de Valkiria de Souza Silva – mais conhecida como Kika – representante do movimento negro. Ao ser aberta a palavra aos movimentos da sociedade civil presentes, Kika elogiou os editais para produtores negros, ação que, segundo ela, “não folcloriza a Cultura Afro-Descendente” e também elogiou também os CEUs das Artes e do Esporte. Residente do bairro de Cidade Tiradentes, em São Paulo, Kika afirmou que os CEUs*, concebidos durante a gestão de Marta, na prefeitura da cidade, tiveram uma grande importância para o bairro.
Os CEUS a que Kika se refere, construídos quando Marta foi prefeita de São Paulo, têm um formato um pouco diferente dos que estão sendo implantados na gestão da pasta da Cultura. Estes serão um local de formação de artistas, com bibliotecas de arte, telecentros e cursos. Aqueles eram escolas que integravam arte e esportes. Ambos os formatos são projetados em regiões carentes e têm enorme potencial de revelar muitos talentos em locais remotos do Brasil.
(Texto: Rosiene Assumção
Fotos: Bete Alves)
Fonte: MinC

Publicado por Ana Paula Sena de Almeida

Eu tenho insights! ;-) www.apsaprojetos.com

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: