Oficinas de capacitação chegam a Montes Claros e Três Corações

Focos são editais para produtores e criadores negros
Montes Claros, no Norte de Minas, e Três Corações, no Sul de Minas, são as próximas cidades a receber as oficinas de capacitação sobre os editais para criadores e produtores negros, promovidas pelo Ministério da Cultura por meio da Representação Regional Minas Gerais. A capacitação em Montes, que conta com o apoio do Sesc-MG e do Ponto de Cultura Cine Poesia (Fundação Cultural Genival Tourinho), acontece dia 26/02, às 14h, no Sesc MG (Rua Viúva Francisco Ribeiro, 200 – Centro). Em Três Corações, o evento acontece no dia 28/02, às 10h, na Câmara Municipal local (Rua Quinto Centenário, 1010). As inscrições podem ser feitas pelo e-mail divulgacaomg@cultura.gov.br. Os interessados devem informar no momento da inscrição a localidade em que deseja participar, nome, e-mail e telefone.
Os editais voltados para produtores e criadores negros foram lançados no dia 20 de novembro, no Dia Nacional da Consciência Negra. Quatro dos cinco editais tiveram o prazo de inscrição prorrogado para 25 de março de 2013, a fim de oferecer mais chance de participação. Para participarem, os interessados devem ser autodeclarados negros (pretos e pardos, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE). Os valores investidos superam os R$ 9 milhões e fazem parte das políticas afirmativas para o combate ao preconceito racial que o Governo Federal tem adotado, amparado em decisões do Supremo Tribunal Federal.
Os editais também estão em conformidade com metas estabelecidas pelo Plano Nacional de Cultura e pelo Estatuto da Igualdade Racial. O Minc disponibiliza esses recursos por meio da Secretaria do Audiovisual, da Fundação Nacional de Artes (Funarte) e da Fundação Biblioteca Nacional (FBN), ambas instituições vinculadas ao Ministério. O objetivo é promover a inclusão social dos afrobrasileiros por meio da formação de novos escritores, da elevação do número de pesquisadores negros e das publicações de autores negros, do incentivo ao surgimento de pontos de leitura de cultura negra em todo o país, da premiação de curtas-metragens dirigidos ou produzidos por jovens negros, na faixa de 18 a 29 anos, e da criação de oportunidades para que artistas e produtores negros ocupem palcos, teatros, ruas, escolas e galerias de arte de todo o país.
Saiba mais sobre os editais AQUI .
 Fonte: MinC

Publicado por Ana Paula Sena de Almeida

Eu tenho insights! ;-) www.apsaprojetos.com

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: