Lisboa recebeu o European Creative Hubs para discutir o desenvolvimento das indústrias que representam 6,8% do PIB europeu. Porque a criatividade também se exporta e gera empreendedores.