Reflexões sobre a Individualidade, conforme LEITURA I – Spinoza

ec47efe30601f88f5e8c8d3fafefb009

Ao contrário, o pensamento adequado relaciona as coisas finitas e singulares entre elas e forma assim conjuntos compostos, o quais estão em relação com outros conjuntos. Os conjuntos assim descritos integram-se uns aos outros em sistemas superiores, os quais, por sua vez, estão em relação entre eles. Etc. A perspectiva muda se for evocado o universo: neste caso não poderia existir encerramento possível do sistema infinito dos efeitos da substância, pois não existe nada em relação a que o universo formaria um todo fechado. Neste caso, a individualidade do universo é dita de uma realidade complexa, infinita, aberta sobre efeitos infinitos não totalizáveis

De acordo com a mecânica de objetos espaciais, sistemas solares, universos, multiversos, Leis de Newton e de Kepler e interação entre os corpos celestes. Analisares sob o foco da matemática, em conjuntos, física quântica, electromagnetismo para conjuntos enquanto coleções de informação ou de indivíduos.

Para compreender direito os problemas que o status da individualidade apresenta, uma comparação com Descartes, pode ser frutuosa. Com efeito, na sua carta a Mesland, de 9 de fevereiro de 1645, Descartes distingue o corpo em geral e o corpo de um homem. O corpo em geral é uma parte da extensão, cuja identidade numérica é alterada se uma parte da matéria que o compõem é subtraída; em compensação, o corpo do homem está unido a uma alma cuja unidade indivisível se aplica à realidade psicofísica assim formada: o corpo do homem evolui durante a existência, partes suas são retiradas, outras são acrescentadas a ele, por exemplo durante o crescimento, mas sua unidade de conjunto permanece apesar de tais variações. Por isso a individualidade do corpo humano parece ser explicada, em Descartes, por uma causa que excede o domínio próprio da extensão, visto que faz a alma intervir.

Corpo físico/ substância simples finita => alma (psicofísica) / partícula do infinito.
O corpo humano poderia ser uma das representações da verdadeira unidade, sendo portanto, uma virtualização da existência na qual a alma é posta a experimentação de interações. Física, relação com o tempo, espaço e desenvolvimento psíquico. Um jogo no qual o aprendizado é o principal objetivo e depois, o retorno ao conjunto primordial através do universo.

Ainda pensando numa discussão sobre Ética, poderíamos considerar a relatividade do pecado, da morte e da própria existência. E, na hipótese, de a vida ser um jogo arquitetado por Deus, quem são os seres inanimados e quem são os seres humanos? O que é a consciência e o que a distingue da alma? Individualidade x Unidade. Onde está a central de comandos do SISTEMA SUPERIOR?

Devemos até considerar que a essência ou potência de existir do indivíduo consiste no ato de afirmação por ela mesma desse indivíduo.

AUTOAFIRMAÇÃO – VERBO, CONHECER O PRÓPRIO VERBO, IMPRIMIR SENTIDO A SI PRÓPRIO. LINGUAGEM E COMUNICAÇÃO. Como Narciso e o próprio espelho d´água. Uma revisão constante de si faz desenvolver o autoconhecimento e o conhecimento torna-se uma busca possível. Ao comer da árvore com os frutos do sobre o conhecimento do bem e do mal, Adão e Eva tornam-se responsáveis por suas próprias consciências. Não há paraíso (estado de inocência da consciência) para os que conhecem a própria dualidade. Poderíamos pensar nesta passagem bíblica como uma metáfora do indivíduo humano, composto de duas metades – feminino e masculino/bem e mal/ yin e yang. A integridade da consciência consiste em torna-se conhecedora de sua totalidade, equilibrando suas dualidades. Creio que seja esta a mecânica do universo, por meio de forças eletromagnéticas que repelem ou atraem corpos no espaço sideral.

Não estamos sós e a complexidade de nossas substâncias pode proporcionar combinações surpreendentes.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s